Pular para o conteúdo principal

AS 3 LEIS DO RELACIONAMENTO HUMANO,TRAZIDAS POR HELLINGER E QUE SÃO A BASE DAS CONSTELAÇÕES FAMILIARES

copy-of-workshop-de-constelacoes-2


As 3 Leis do Relacionamento Humano, trazidas por Hellinger e que são a base das Constelações Familiares


Ao vir ao mundo no seio de uma família, não herdamos somente um patrimônio genético, herdamos as crenças e os comportamentos que são válidos neste sistema familiar. Há muitas pesquisas em andamento buscando a comprovação científica de que essas crenças e comportamentos possam ter influências no próprio genoma, ou seja, elas modificam inclusive as nossas células.
Nossa família é um sistema, um campo de energia no interior do qual, nós evoluímos e crescemos. Cada um, desde seu nascimento, vai ser uma parte deste todo e precisa ter o seu lugar, independente de quem seja e como seja. Todos fazem parte.

As 3 Leis do Relacionamento Humano

Como descreve Maristela Nardy, consteladora, “Uma ave quando voa pode voltar-se para qualquer direção, mas o que vemos é o bando conduzir-se como um todo. Cada ave submete-se ao esquema geral do bando e, graças a essa submissão, continua a participar do grupo. De vez em quando, uma ou outra pode sair um pouco do movimento, para em seguida, juntar-se ao todo novamente. Ela é parte do movimento, ela influencia, mas não determina o movimento.”
Na Constelação, para achar uma solução para o cliente, o terapeuta olha para além do indivíduo. Apenas abrir a mente e olhar para algo maior, para ligações ou conexões além das óbvias, para o amor que une o grupo e faz os indivíduos se sacrificarem por ele.
Bert Hellinger nos fala que há, além do inconsciente individual e do inconsciente coletivo, um “inconsciente familar” que atua em cada membro da família. Para ele, existes 3 leis básicasque atuam ao mesmo tempo: O PERTENCIMENTO, A ORDEM E O EQUILÍBRIO.
Veja o que ele diz sobre cada uma delas:
copy-of-ordem-ipe-roxo-1
ordem-ipe-roxo-1
copy-of-copy-of-ordem-ipe-roxo
O resultado da observação e dos experimentos com estas leis,  se transformou em um trabalho simples, direto e profundo que o próprio Bert gosta de chamar de “Ordens do Amor”. Segundo ele, onde houverem pessoas convivendo, estas 3 leis estarão atuando.
Indicado ao Prêmio Nobel da Paz em 2011, Hellinger tem hoje 90 anos e continua seu trabalho com as Constelações em todo o mundo. Suas obras já foram trazidas para mais de 20 idiomas. Segundo ele, quando se age de acordo com as leis, a vida flui e nossos objetivos se desenvolvem. Quando as transgredimos, a conseqüência é perda da saúde, da vitalidade, da realização e dos bons relacionamentos, assim como o fracasso nos objetivos de vida.
Durante uma constelação, o objetivo é identificar quais leis podemos inconscientemente estar transgredindo e nos recolocar na vida de uma forma que possamos respeitá-las.
Esta terapia impressiona por sua ação no nível anímico, isto é, na cura da alma, e por sua dinâmica extraordinária, em que agentes “representam” personagens familiares, “representam” profissões, “representam” empresas, “representam” imóveis, “representam” sintomas e doenças, e assim por diante.
Através de um desenho vivo e sensorial de sua Constelação pode-se, passo a passo, olhar os emaranhamentos inconscientes e chegar-se, assim, quando é possível para o cliente dar este novo passo, a uma solução nova e libertadora.
Por Ana Garlet, advogada e consteladora familiar – http://www.anagarlet.com.br
Fonte:https://iperoxo.com/2016/01/19/as-3-leis-do-relacionamento-humano-trazidas-por-hellinger-e-que-sao-a-base-das-constelacoes-familiares/
copy-of-workshop-de-constelacoes-2


Saiba mais sobre as 3 Leis nestes áudios gravados por Ana Garlet, da equipe do Núcleo de Consteladores do Ipê Roxo:


Postagens mais visitadas deste blog

7 DICAS PARA NÃO ABSORVER A “ENERGIA NEGATIVA” DE OUTRAS PESSOAS

7 DICAS PARA NÃO ABSORVER A “ENERGIA NEGATIVA” DE OUTRAS PESSOAS Se eu não consigo me desligar da dor ou mesmo das oscilações de humor do outro, logo, eu também sofro com elas e, pouco posso fazer para ajudar, uma vez que estou imerso na mesma fonte de desestabilização emocional. Basta que qualquer matéria sobre empatia seja postada para que dezenas de pessoas (que se identificam como empatas) comentem sobre o lado difícil do excesso de sensibilidade. Não é novidade, também, o fato de existirem pessoas que são, voluntaria ou involuntariamente, mais reativas ao que acontece no ambiente ao seu redor. Para elas, a dor do outro dói em si, o mau humor de alguém as abala e as deixa mal humoradas, notícias pesadas as fragilizam e muito estímulo – como estar no meio de multidões e grandes grupos -, as consomem. A questão é: se eu não consigo me desligar da dor ou mesmo das oscilações de humor do outro, logo, eu também sofro com elas e, pouco posso fazer para ajudar, uma vez que estou imerso na me…

POEMA "METADE" - OSWALDO MONTENEGRO

Metade

Oswaldo Montenegro


Que a força do medo que tenho
Não me impeça de ver o que anseio
Que a morte de tudo em que acredito
Não me tape os ouvidos e a boca
Porque metade de mim é o que eu grito
A outra metade é silêncio

 Que a música que ouço ao longe
Seja linda ainda que tristeza
Que a mulher que amo seja pra sempre amada
Mesmo que distante
Pois metade de mim é partida
A outra metade é saudade
Que as palavras que falo
Não sejam ouvidas como prece nem repetidas com fervor
Apenas respeitadas como a única coisa
Que resta a um homem inundado de sentimentos
Pois metade de mim é o que ouço
A outra metade é o que calo
Que a minha vontade de ir embora
Se transforme na calma e na paz que mereço
Que a tensão que me corrói por dentro
Seja um dia recompensada
Porque metade de mim é o que penso
A outra metade um vulcão
Que o medo da solidão se afaste
E o convívio comigo mesmo se torne ao menos suportável
Que o espelho reflita meu rosto num doce sorriso
Que me lembro ter dado na infância
Pois metade de mim é a lembrança do q…

17 LIÇÕES SOBRE O AMOR QUE VOCÊ PRECISA PÔR EM PRÁTICA EM 2017 PARA SER FINALMENTE FELIZ

© Fornecido por Batanga Media Difusão pela Internet LTDA
casal amor namoro 216 400x800 



17 lições sobre o amor que você precisa pôr em prática em 2017 para ser finalmente feliz 

A proximidade de um novo ano estimula e incentiva mudanças em diversos setores da vida e, claro, no amor as coisas não seriam diferentes. Se você sente que sua relação precisa ser avaliada ou mesmo está solteiro e pretende construir um relacionamento mais sério, conheça algumas importantes lições sobre o amor que você precisa pôr em prática em 2017 para ser finalmente feliz:
Lições para ser feliz no amor1. Fuja da ideia de buscar uma pessoa que te “complete”. Esteja bem consigo mesma e busque um amor que resulte em soma, e não em divisão.
2. Aceite suas próprias falhas e aprenda a conviver com erros do parceiro.
© Fornecido por Batanga Media Difusão pela Internet LTDA casal apaixonado gestos 216 400x800
3. Aprenda que ceder não significa submissão plena e total ao outro e que o ato é necessário para o comprometimento…